Reserva Estadual da Juatinga, sinônimo de belezas naturais

Reserva da Juatinga (foto http://www.wikiparques.org/wiki/Arquivo:IMG_0074.JPG)
Reserva da Juatinga (foto http://www.wikiparques.org/wiki/Arquivo:IMG_0074.JPG)
5 (100%) 1 vote

A Reserva Ecológica Estadual da Juatinga (REEJ) está localizada no sul do Estado do Rio, na cidade de Paraty;  sendo um refúgio de belezas naturais para os amantes do turismo ecológico.

A Reserva possui 9.797 hectares de rica diversidade ambiental e cultural; além de abrigar remanescentes florestais de Mata Atlântica, restingas, manguezais, costões rochosos e comunidades tradicionais caiçaras.

Acesso à Reserva Juatinga

O acesso à reserva é pelo cais da cidade de Paraty ou da Praia de Paraty-Mirim.

Atrações da Reserva de Juatinga

1- Saco do Mamanguá, que possui um conjunto de ruínas do período colonial; 33 pequenas praias de mar abrigado; rios; cachoeira; um exuberante manguezal e ainda uma feição geomorfológica singular no Brasil, denominada de ria tropical; conhecido como fiorde tropical, pela semelhança com os fiordes nórdicos.

2-Pico do Pão-de-Açúcar, cujo ponto de partida é Praia do Cruzeiro. A trilha íngreme possui 1,5 Km de extensão e o pico tem 425 m de altitude. Do alto do pico é possível ter uma visão panorâmica do Saco do Mamanguá.

3-Praia Grande da Cajaíba, com água cristalina e calma,  e com a presença de dois núcleos familiares de população caiçara que resistiram à especulação imobiliária. Propícia para turismo náutico.

4-Praia de Martim de Sá, atrativa para muitos surfistas pela formação de suas ondas; não tem luz elétrica, por isso, além dos sons da natureza, nos feriados é possível escutar os sons de animadas rodas de violão que varam a noite no canto. Perfeita para quem curte natureza e tranquilidade.

5-Ponta da Juatinga, é a extremidade da península,  com uma porção de terra estreita cercada por água em dois lados e que conecta duas grandes extensões de terra. Uma das atrações  é o farol da Juatinga, que também é um mirante para contemplar toda a localidade. A trilha que parte da comunidade até o farol tem 500 metros de extensão e é bastante íngreme.

6-Praia da Sumaca, uma das mais belas da região, sendo bem frequentada por admiradores. O acesso à Praia é feito de barco até a praia do Pouso da Cajaíba; e por trilha a partir da bifurcação existente à esquerda na trilha Praia do Pouso da Cajaíba – Martim de Sá.

7-Cachoeira do Saco Bravo, deságua no costão rochoso e forma um belo poço a poucos metros do mar aberto. Ao chegar próximo a cachoeira, é importante ter muito cuidado ao descer pelas pedras para acessar o poço, que costuma receber águas das ondas do mar aberto.

Saco de Mamanguá (foto http://www.refugiomamangua.com/index.php/fotos/)
Saco de Mamanguá (foto http://www.refugiomamangua.com/index.php/fotos/)

 

8- Praia da Ponta Negra, conhecida pelos antigos de Praia Negra, é o ponto de partida para a região mais remota e mais preservada da REEJ. As trilhas para o Cairuçu das Pedras e para a Cachoeira do Saco Bravo partem dessa comunidade. A trilha até a cachoeira do Saco Bravo possui 4,2 km de extensão e a trilha para o Cairuçu das Pedras tem 6,5 Km de extensão; atravessando uma área de relevo acidentado; cercada por Mata Atlântica com espécies arbóreas de grande porte.

9-Praia dos Antigos, deserta e com mar agitado, ideal para nadadores experientes e esportistas profissionais. Ideal para quem curte turismo de aventura.

10-Praia do Sono, muito procurada nos feriados, bastante frequentada por turistas principalmente no réveillon. A noite é embalada pelo som de forró, reggae, MPB e de muitas rodas de violão. Um dos atrativos é o Poço do Jacaré; que fica a 1,2 km da praia, seguindo uma trilha que parte da igreja também localizada na praia.

11-Praia do Pouso da Cajaíba, com águas calmas e muito badalada. Um dos atrativos é o mirante da Pedra das Araras, uma caminhada que dura em torno de 1 hora, percorrendo uma trilha de 1,2 km de extensão. É uma trilha pouco utilizada e deve ser feita com acompanhamento de guia local.

Hospedagem em Juatinga

Na Reserva há opções de hospedagens nas comunidades caiçaras, que dispõem de áreas de camping. Nos povoados maiores como Pouso da Cajaíba e Praia do Sono, há disponibilidade de hospedagem em quartos.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*