Botuverá, local da maior caverna da América Látina aberta a visitação

Botuverá é uma pequena cidade catarinense de aproximadamente 5 mil habitantes, também conhecida como Cidade das Grutas; famosa por sua beleza natural e pela diversidade de cavernas que escondem uma beleza impressionante. Além disso, ela faz parte do circuito Vale Europeu, assim como ApiúnaAscurraBenedito Novo, Doutor Pedrinho Indaial, a famosa Pomerode, Rio dos Cedros, Rodeio e Timbó.

De origem italiana, os costumes trazidos pelos colonizadores são refletidos na cultura, gastronomia e arquitetura, que carregam os traços europeus até hoje. Para completar, a cidade é ótima para prática de esportes e o ecoturismo. Vale a pena conhecer um pouco dessa linda parte brasileira que mistura um pouco com a Europa.

Botuverá (link:https://www.festabergamasca.com.br/)

Como chegar?

Não é muito difícil chegar na pequena cidade, pois ela é praticamente concentrada no entorno da rodovia estadual SC-486 que passa por Brusque, a quase 22km de distância. Para lá, a melhor forma é o transporte rodoviário, sendo ônibus ou carro os meios mais sugeridos. A estrada tem algumas curvas, porém muito conservada.

E para quem vem de outras regiões, a melhor opção é pousar no aeroporto internacional de Florianópolis, que está localizado a cerca de 125 km, passando pela BR-101. E para quem vem da região da Serra do Rio do Rastro, já tem um pouco mais de chão a ser percorrido, num total de 256 km pelas BR-486 e SC-110.

O que fazer em Botuverá?

Se você busca uma cidade bem tranquila, e que dá para conhecer em apenas um dia, Botuverá é a opção ideal! Confira a seguir as principais atrações de lá!

  • Participar da Festa da Bergamasca – Esse tradicional evento que começou em 1992, acontece no mês de junho, época mais fria do ano, sendo ótima para degustação das comidas tipicamente italianas da cidade. Ah, e claro, ouvir boas músicas com os shows nacionais que passam por lá.
  • Visitar o Museu do Imigrante – A visitação pode ser realizada entre terça-feira e domingo, de 8h às 17h (primavera e verão) e de 8h às 16h (outono e inverno). Fica próximo ao Parque das Grutas, e conta um pouco mais sobre a história dos imigrantes que chegaram à região.
  • Fazer uma Trilha rumo a cachoeira do Bégo – A caminhada acontece em meio a Reserva Biológica Canela Preta, e é uma excelente opção para quem busca um maior contato com a natureza.
  • Passear pelo Parque das Grutas – Como já mencionado, a cidade é conhecida como a cidade das grutas, e esse parque deixa bem evidente o porquê! É um ótimo destino para os viajantes, com cavernas grandes e belas, ideais para os mais aventureiros!
Cachoeira Recanto Feliz (foto: Wikimedia Commons – https://bit.ly/3AWi45c)

O Parque das Grutas

Nesse local se encontra a maior caverna da América Latina aberta à visitação. São aproximadamente 1,2 km de extensão com muitas estalagmites e estalactites. Uma bela experiência de se possuir na cidade. Para chegar lá o endereço é Estrada Geral de Ourinhos, s/n, a 15 km do Centro de Botuverá e o acesso acontece através de estrada de terra.

O parque é uma área privada e possui uma boa estrutura para visitação. Os dias e horários de funcionamento são os seguintes: Terça-feira a domingo, de 8h às 17h (primavera e verão) e de 8h às 16h (outono e inverno). Ao chegar lá, é necessário pagar um ingresso, e não é aceito cartão de crédito/débito, devendo o visitante levar dinheiro e seguir todas as instruções e normas do parque.

Caso tenha mais dúvidas, não deixe de entrar em contato pelos telefones(47) 3359-1100 / (47) 3087-8387

Caverna de Botuverá (link:https://valeeuropeucatarinense.com.br/botuvera/)

Dicas de Hotéis em Botuverá

  • Recanto Feliz – Rua Lajeado Alto, s/n – após as Cachoeiras Venzon. – Telefone: (47) 3255-0381
  • Hotel Sgrott: Rua João Moreli, 21, Botuverá– Centro. – Telefone: (47) 3359-1160

 

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.