Cidades históricas de Minas Gerais, um misto de aconchego e história

Minas Gerais é um estado que atrai milhares de visitantes todos os anos em razão de diversos fatores, como a existência de belas cidades históricas. Haja vista que o estado foi de grande importância para a história do Brasil, principalmente durante o Ciclo do Ouro, que vigorou no país entre os séculos XVII e XVIII. Com isso, uma grande variedade de vilas e pequenas cidades foram surgindo, e se tornaram, atualmente, um marco tanto em termos históricos, quanto em termos turísticos no estado.

Mas, caso você nunca tenha visitado uma das cidades históricas de Minas Gerais, deve estar se perguntando o porquê de muitos viajantes irem até o estado para conhecê-las. E acredite, a resposta não é tão simples quanto parece. Além de serem ambientes onde se passaram diversos acontecimentos importantes no Brasil, cada uma delas possui um charme especial. São igrejas belíssimas com altar esculpido em ouro; becos e ladeiras de pedra com casario em estilo colonial; o aconchego de uma cidade de interior; e, obviamente, excelentes opções para se experimentar um pouco mais da fantástica comida mineira.

Que tal dar uma olhada nas principais cidades históricas mineiras, e começar a preparar seu roteiro para visitá-las?

Cidades Históricas de Minas Gerais (foto: https://www.ambiental.tur.br/minas-cidades-historicas-e-inhotim)

Cidades Históricas de Minas Gerais

  • Ouro Preto – talvez a mais famosa das cidades históricas de Mina Gerais, Ouro Preto também é um dos maiores símbolos da Estrada Real, além de um local onde a história se faz presente em cada esquina. Isso porque, em cada viela, há algo a ser explorado; além de diversos museus, a Praça Tiradentes, e as minas de ouro que estão abertas para visitação. Mas, vale ressaltar também que, por lá, o visitante tem a oportunidade de apreciar deliciosos chocolates artesanais, e de admirar belíssimas lojas de pedras preciosas das minas ainda em funcionamento.
Ouro Preto (foto: https://www.spiceuptheroad.com/site/feriado-de-tirandente-e-nossos-favoritos-em-minas-gerais/centro-historico-de-ouro-preto-minas-gerais/)
  • Ouro Branco – localizada bem próxima a Ouro Preto, sua vizinha também é extremamente charmosa, e conta com um distrito muito aconchegante, Itatiaia, no qual se encontra a deliciosa comida mineira, além de muito sossego. Mas, caso o turista busque um pouco de aventura, na região de Ouro Branco e Ouro Preto estão situados os Parques do Itacolomi e o Parque Estadual da Serra de Ouro Branco, que são excelentes opções para um maior contato com a natureza.
Itatiaia, distrito de Ouro Branco (foto: https://circuitodoouro.tur.br/blog/2014/06/27/belezas-naturais-de-um-dos-vilarejos-mais-antigos-de-mg/)
  • Tiradentes – outra cidade que não pode ficar de fora do seu roteiro, Tiradentes é conhecida não somente por sua história, mas também pelos festivais que lá ocorrem, como o tradicional Festival de Cervejas Artesanais. Desse modo, torna-se um local extremamente romântico, e com passeios culturais muito interessantes, como as visitas às igrejas e ao Centro Histórico.
Tiradentes (foto: http://www.mineirosnaestrada.com.br/roteiro-tiradentes/)
  • São João del Rei – para quem visita Tiradentes, é só pegar uma Maria Fumaça pelo rio das Mortes e seguir até sua vizinha, São João del Rei. Por lá, além de deliciosos rocamboles, também há belíssimas igrejas e o charme de uma tradicional cidade de interior.
São João del Rei (foto: https://www.guiadasemana.com.br/viagens-internacionais/galeria/o-que-fazer-em-sao-joao-del-rei-em-minas-gerais)
  • Congonhas – se você já pesquisou um pouco sobre as cidades históricas de Minas Gerais, com certeza já se deparou com Congonhas. A cidade é reconhecida principalmente pela famosa Basílica do Bom Jesus de Matosinhos, onde estão expostas as esculturas em pedra sabão dos profetas de Aleijadinho. Não deixe de conhecê-la, caso tenha oportunidade.
Congonhas (foto: https://viagemeturismo.abril.com.br/cidades/congonhas/)
  • Serro – uma cidade um pouco menos conhecida, mas que chama a atenção dos visitantes, Serro é famosa pelo seu casario em estilo colonial, com grandes influências da arquitetura barroca. Desse modo, é uma cidade extremamente aconchegante, com belíssimas igrejas, fazendas da época do Brasil colônia, dentre outras atrações que não podem ficar de fora do seu roteiro. Ah, e por lá, também se localiza o distrito de Milho Verde, uma excelente opção para quem busca um pouco mais de conforto e aconchego.
Serro (foto: https://www.360meridianos.com/dica/serro-mg-turismo)
  • Diamantina – uma das cidades mais retratadas do Caminho dos Diamantes da Estrada Real, está localizada bem próxima de Serro e conta com belíssimas igrejas, casarões e museus que retratam um pouco da extração de diamantes na região durante o Ciclo do Ouro. Além disso, por lá, existem opções de ecoturismo para quem busca um maior contato com a natureza.
Diamantina (foto: https://www.infoescola.com/minas-gerais/diamantina/)
  • Mariana a vizinha da famosa Ouro Preto é um ponto que deve estar em seu roteiro por Minas Gerais. Ela conta com igrejas estonteantes, museus bem legais e uma das poucas minas de ouro abertas à visitação no estado. Vale a pena conhecer.
Mariana (foto: https://caixacolonial.club/blog/25-destinos-coloniais-brasil-que-voce-precisa-conhecer-938/mariana/)

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.